sábado, 26 de fevereiro de 2011

Lovely hearts club




Os dois na calçada, embriagados de tristeza contando segredos que estavam parados no ar:
— Parece que nos últimos 8 meses eu tive umas trinta almas. Tô bêbada de gente em mim.
— Sabe que nos últimos meses eu senti coisa parecida? Mas eu não tinha almas. Nem a minha. Engraçado isso, eu não tenho um caminho, mas consegui me perder.
—A gente parece almas gêmeas, mas sem toda aquela conversa de amor e tal.
—Vamos nos casar amanhã?
—Claro! Eu pego toda a minha insanidade e você sua descrença e assim viramos uma atriz falida e um ateu deprimido, conversando sobre loucuras nas sarjetas da cidade.
[...]                              
*Nara


3 comentários:

  1. Que texto realmente insano e prazeroso!Gosto da forma como nos embriaga com suas belas palavras.
    Parabéns pelo texto!
    Um abração e um ótmo Fds.

    ResponderExcluir
  2. Nooossa! *-* Cada vez eu me encanto mais
    com suas palavras. Lindo diálogo. Abraço forte.

    ResponderExcluir
  3. Tem Selinho pra você Aqui:http://meninaapenas.blogspot.com/p/selinhos-que-recebii-enquanto-estava.html
    beijos meus'

    ResponderExcluir

A você um sorriso para acender estrelas e apagar tristezas, Obrigada pela visita! :*